sábado, 6 de setembro de 2014

Contradição...


Não há sentido.
O curso do rio é o mesmo, nunca mudou.
As águas desde sempre correm para o abismo, foi você quem decidiu olhar na direção contrária.
Esperanças refeitas pra quê?
Apenas para uma decepção maior.
Dessa vez a lição foi aprendida, dessa vez terá que ser aprendida.
Sem volta.
Não se pode errar agora.

Hoje cedo eu pensei:
Agora já começamos a poupar, vamos ter nossa vida.
Mas um pensamento ruim se precipitou: era a premonição.
Todas as coisas ruins de antes foram um treino para o cenário real e trágico que faz parte do ato seguinte.
Não há mais vontade.
De nada.
O pensamento voa livre, sem qualquer coerência.
As palavras são duras, mas precisam ser ditas.

O mar com navio naufragado é o que se vê.
O que se vê e o que se espera.
Que o naufrágio dure para sempre, para que não haja ilusão de que este é apenas mais um treino pra o pior cenário que paira no roteiro da vida.
Que venha.
E que agora eu possa encarar de frente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário