sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Desabafo

Na boa, gata. Melhor ficar na sua.
Ela é horrível. E tem dias que nasce em mim um grito que vem tão de dentro, que tudo o que eu penso é em como eu vou parecer louca quando eu explodir gritando: AHHHHHH, VOCÊ É HORRÍVEL!!!!

De verdade, ela é horrível. Ela me irrita. Contando todos os problemas e as dores, confiando fácil demais, aceitando conselhos fácil demais, rindo fácil demais. Essa ingenuidade humana nela me irrita, sério.

Ela vem com aquele jeito todo amigável, mas fecha a cara totalmente quando fica brava. E o pior é que ela não fala o que é, o que só aumenta a minha vontade de gritar, de espernear, de xingar e de bater as coisas. Mas eu me controlo.

Ela oferece tudo, tudo ela quer dividir: as comidas, os problemas, as dicas de como prender os cachos. Sério, vou perder a linha com essa garota.

E quando ela se irrita, então? Ela bate as coisas, xinga alto, bate telefone, bate porta, bate pé, taca caneta na mesa. Sério, é o caos. Mas o pior é quando ela digita calmamente depois de ter levado o maior esporro, como se nada tivesse acontecido a ponto de tirar seu eixo da órbita. Nossa, isso me tira toda a paciência! E essa calma externa que você pensa que é dela, não é dela coisa nenhuma. A espertinha reserva esse estereótipo de inabalável pra plateia, pra quando ela tá em público, porque quando ela tá sozinha, ela é outra. Eu juro, nunca vi tanta dissimulação em um só ser humano na minha vida. NUNCA!

Eu já disse que ela é horrível? Fala uma coisa em um minuto, no outro já fala e faz o contrário. Diz que não vai confiar mais, já tá confiando. Diz que tá cansada, que já deu, mas no fim das contas, não tá cansada merda nenhuma. Só tá sendo chata pra caramba.

E o pior é que ela não desgruda de mim. De repente, deu pra querer até me entender, é mole? Tô dizendo, ela é horrível! Não aguento, sério.

Juro que qualquer dia desses vou dizer umas poucas e boas pra ela. Na cara dela. Eu vou. Não acredita? Tô falando que eu vou dizer. Eu vou chegar na frente da merda do espelho e dizer: garota, você é chata pra porra!

Nenhum comentário:

Postar um comentário