segunda-feira, 6 de março de 2017

Definir ela dá uma música - e das boas

Se eu disser que eu rascunhei uma introdução decente pra esse post, mas ela simplesmente se negou a sair decente, você acreditaria? Olha que tenho provas.

Então, vamos começar esse post assim no seco, sem muitas palavras que denunciem a instabilidade do meu raciocínio lógico, ok? Depois do combinado, me resta dizer que criei uma playlist que, por acaso do destino, pode vir a calhar nesse 8 de março. A proposta era reunir músicas que definissem mulheres.

De verdade, essas letras que se dedicam a falar da personalidade das mulheres e de como essas peculiaridades femininas são percebidas pelos outros sempre me interessaram. De certa forma, essas músicas já estavam reunidas na minha cabeça e, pra mim, uma sempre "chamou" a outra. Por isso, resolvi juntar todas aqui e deixar você: 1. ver se elas realmente fazem sentido e 2. refletir sobre essas personalidades femininas que estão nas linhas e nas entrelinhas.


Mais sobre a criação dessa playlist

Primeiro eu quis juntar aquelas músicas que definiam as mulheres do ponto de vista de terceiros. Meio que algo como Bentinho definindo Capitu, sabe? Não sabemos ao certo que é essa figura, mas o que temos é o suficiente para nos intrigar. Nessa etapa da seleção, essas mulheres que aparecem nas letras são vistas e apresentadas de acordo com o olhar do outro. Nós não as conhecemos diretamente, mas as imaginamos. Por isso, nessas primeiras músicas eu priorizei aquelas que tivessem o termo "ela" ou "she".

Depois, acabei mesclando outras músicas com nomes próprios femininos que, em alguma parte da letra vão montando essa imagem de mulher que dá nome à música.

Por fim, peguei canções sobre mulheres se definindo ou definindo outras mulheres.

E essa gama de músicas de diferentes ritmos, cantores e popularidade está aí reunida pra você ouvir e pensar nessas mulheres de personalidades marcantes, envolventes e instigantes que nos rodeiam diariamente. Aproveite o som e as letras, é claro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário