segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Devaneios de uma adolescente... (VI)

CAPÍTULO 6 - Aos leitores, uma explicação...

O que se escreve quando outra coisa toma sua mente por completo? Mesmo que essa coisa não tenha a mesma importância pra você, leitor, gostaria de compartilhar minha angústia do momento. Sim, eu o perdi! Ah, isso me estraçalha a alma. Tudo bem, tudo bem, eu sei que foge à narrativa, porém, como podemos contar histórias passadas quando histórias presentes nos afetam?

Ele estava comigo, era meu e, agora, talvez esteja perdido para sempre! Para sempre!
Oh, você compreenderá que essa expressão pesa muito quando ainda se é adolescente. Pra sempre é uma eternidade. Mas eu tenho, tive e terei muitas e muitas eternidades, muitos "para sempre"... você também.

Bom, chega de chateá-lo com minhas bobagens. Perdeu-se e pronto! O que posso fazer? Angustiar-me? Já o fiz. E muito. Prometo que continuo a narrativa noutro momento. Agora, vou correr para Lizzie. Ela sim, como sempre, me fará rir dessa situação. Até o próximo capítulo menos conturbado.

2 comentários:

  1. Hey! Espero que fique tudo bem. Às vezes tudo que precisamos é um tempo, que você terá, e muito. Aquilo no seu último comentário no meu blog foi um desafio? Eu adoro desafios (:

    ResponderExcluir
  2. Bom... apesar da tempestuosidade que afetou a alma de Alíshia estamos esperando a continuidade da história!
    A 1° vez que estou lendo os posts "devaneios"...
    Espero que recomece...

    Fiel leitora.

    ResponderExcluir