sábado, 15 de agosto de 2015

Para as próximas gerações


Depois de uma semana puxada. Depois de pensar em mil ideias para postar. Depois de descartar outras mil. Depois de pensar se eu daria conta disso. Depois de mil indecisões, assim, de repente, abro o bloco de notas e idealizo um futuro melhor.

Um futuro que eu gostaria que fosse tangível para todos, incluindo aí minha geração. Mas, caso não seja pro meu bico, deixo registrado aqui meu desejo rimado de que seja possível para as gerações que vierem.

Para as próximas gerações

Menos cobrança aos 20
Mais consciência coletiva
Menos responsabilidade 

Mais MPB
Mais Elis, mais Chico, mais Caetano, mais Gadú
Mais Cecília, mais Clarice, Vinícius, mais Machado

Mais livros na mala
Mais viagens na vida 
Mais intensidade nas sensações
Menos preocupações

Mais idas ao parque
Mais vida observada
Mais livros no coração
Menos chateação

Mais músicas na alma
Mais serenidade
Mais luas vistas
Menos pessoas idas

Mais reticências
Mais vírgulas
Mais exclamação
Bem mais pontuação

Mais pessoas na vida
Mais acasos contemplados
Mais expressão
Menos solidão

Mais rimas
Mais poesia
Mais abstração
E mais, muito mais indecisão.

5 comentários:

  1. Nem me fale em semana cheia, mal tive tempo para passear pelos blogs que gosto, comentar, ler tudo direitinho, foi péssimo. Também tive mil idéias, descartei mais mil, no fim, não sabia do que falar haha
    mas como sempre, venho aqui e me deparo com um belo texto que me deixa legal :)))
    um futuro melhor, com mais gente educada. Isso é uma das principais coisas que eu gostaria de ter. Ai ai..
    beijão, Lê :*

    osbeneficiosdebebercafe.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem me fala, a correria tá durando até agora. Eu tô indo aos picados visitar os blogs porque parece que o tempo livre evaporou, assim, de repente.

      Excluir
  2. São blogs como o seu que me enchem de orgulho de fazer parte da blogosfera. :)
    A gente passa a ter convicção de que existem pessoas legais e de bom coração por aí. Que almejam por uma vida feliz, onde a felicidade não é material ou superficial. Por mais blogs assim e pessoas assim!

    " Com cheiro de passarinho quando canta, de sol quando acorda, de flor quando ri. Com cheiro de cafuné sem pressa, do brinquedo que a gente não largava, do acalanto que o silêncio canta, de passeio no jardim. E que no faz sentir comendo pipoca na praça, lambuzando o queixo de sorvete, melando os dedos com algodão doce, da cor mais doce que tem pra escolher."

    Beijos, Fran.

    ResponderExcluir
  3. Amei o poema. E que venham mais músicas, mais viagens, mais serenidade, mais luas, mais vírgulas e reticências...
    Parabéns! E seja bem-vinda ao meu círculo.

    Sou Alberto Valença do blog Verdades de um Ser e colaborador do Meu pequeno vício. Criei agora outro blog sobre viagens. Se puder passar por lá irei gostar muito.

    Verdadesdevum Ser
    Meu pequeno vício
    O seu companheiro de viagem

    ResponderExcluir
  4. Adorei o poema *O*

    http://meubaudeestrelas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir